26.4 C
Guarulhos
quinta-feira, 23/05/2024.
spot_img

✍ Leia texto de Guilherme Ghellere sobre a aula de aprofundamento “A temática do Absurdo”

Seja nas páginas de letras miúdas dos clássicos, seja nos muros disformes das capitais, a Literatura transcorre os séculos contando, recontando e criando histórias que refletem cultura, ordem social, filosofia e desafios da realidade humana.

Durante a aula de aprofundamento “A temática do Absurdo – entre o fictício e o real“, ministrada pelo professor Guilherme Ghellere no dia 10/05, em grupo, alunos do Ensino Médio do Colégio Carbonell percorreram as nuances, as obras e os pensamentos de Franz Kafka, Albert Camus e Hannah Arendt, três autores novecentistas – isto é, que marcaram e escreveram durante o não tão distante e caótico século XX e que versaram sobre questões precípuas de sua época, mas que ainda são vistas no nosso dia a dia.

A partir de excertos dos livros, trataram e refletiram acerca de temas como a crise da modernidade, o sentimento do absurdo e o conceito filosófico de banalidade. Para além de relações entre os textos e seus autores, traçaram, por meio de notícias e fatos cotidianos, paralelos com a realidade. Afinal, é preciso ler a obra e enxergar o contexto; observar o nosso passado para compreender o presente.

A ficção é uma das principais ferramentas para entender o real, pois, como uma lupa, amplia os detalhes e destaca aquilo que se passa desapercebido num mundo “hipermoderno”. A fim de ilustrar tal premissa e elucidar sobre como foi o encontro, bem como todo esse “sentimento de entender a realidade”, vale citar uma breve alegoria barroca analisada durante a aula e mencionada por Camus em um ensaio acerca da obra de Kafka:

“Conhece-se a história do louco que pescava numa banheira: um médico que tinha suas ideias sobre os tratamentos da mente lhe perguntava ‘se isso mordia’ e recebeu a resposta rigorosa: ‘Mas claro que não, pois se é uma banheira'”.

Aqui, a gente te prepara para um novo mundo! 🌎 #SouCarbonell #nPossibilidades

Blog Carbonell
— APOIO ÀS FAMÍLIAS —

Últimas notícias